13/03/2013

O Cardeal de Honduras fala sobre a Mensagem de Medjugorje e os jovens



O Cardeal Oscar Andrés Rodríguez Maradiaga, de Honduras,é também considerado um dos "papáveis​​" pela imprensa mundial. Ele falou sobre os acontecimentos espirituais de Medjugorje. Os pensamentos do cardeal sobre Medjugorje vieram a tona no Festival da Juventude em Honduras, em uma recente entrevista com Religionenlibertad.com.

O Festival atraiu mais de 4.000 peregrinos em fevereiro de 2013 e entre os convidados estava Ivan Dragicevic um dos videntes das Aparições da Rainha da Paz, Nossa Senhora de Medjugorje.
 
Aqui abaixo está a entrevista  do Cardeal Oscar Andrés Rodríguez Maradiaga para religionenlibertad.com (R&L):
R&L: Eminência, temos em Honduras cerca de 4.000 jovens que vieram de diferentes países em torno da espiritualidade mariana de Medjugorje. Por que este festival de Medjugorje em Honduras?
 
Cardeal Maradiaga: "Porque a Universidade Católica de Honduras decidiu anos atrás, que neste Campus de Danlí no sul do país, teríamos uma réplica da Igreja Paroquial de Medjugorje que é dedicada a São Tiago. Réplica que ficou pronta já há alguns anos. Quando no ano passado o vigário paroquial  de Medjugorje visitou o Campus ele lançou a idéia de celebrar aqui em Danli, uma réplica do Festival da Juventude que é realizado (em Medjugorje) a cada ano. Como sabemos que muitos jovens não podem fazer uma peregrinação à Bósnia, nós aprovamos o festival aqui.
  
R&L: Qual é a sua avaliação da resposta dada a este chamado?
 
Cardeal Maradiaga: "Estou muito feliz e muito satisfeito com a proposta. Em Danlí tem uma vantagem em que a fronteira sul é muito perto, então a Nicarágua, Costa Rica e Panamá têm fácil acesso. Nem mesmo a Guatemala e El Salvador estão longe. Portanto, a nossa intenção é fazer isso com o objetivo de um festival que se realize todos os anos.
 
R&L:  Em Medjugorje ao Festival da Juventude vêm a cada ano cerca de 70 mil jovens de todo o mundo. A este primeiro Festival americano responderam cerca de quatro mil jovens. O que faz Medjugorje como um chamado da Igreja para captar a atenção dos jovens?
 
Cardeal Maradiaga: Na simplicidade da Mensagem de Maria nós encontramos os valores que atraem os corações dos jovens. Esta mensagem é baseada no amor, na paz e na justiça, toda a liberdade. Note-se que só em Honduras, 42% da população está abaixo dos 15 anos, e é muito importante para os jovens encontrarem o Senhor e viver uma vida cristã, porque é uma fonte de  alegria, paz e engajamento social.
 
R&L: no mundo de hoje, o que a Igreja pode oferecer aos jovens?
 
Cardeal Maradiaga: eu celebro a cada ano mais de 10 mil Confirmações (sacramento da Crisma), o que significa que os jovens buscam o Senhor, e os jovens precisam receber respostas claras para os desafios da vida. Eu digo a eles que hoje temos como nunca tecnologias de precisão. Há o GPS, que é uma invenção incrível. No entanto, nunca antes a humanidade tem estado tão desorientada, o que significa que também precisamos de um GPS espiritual. Este GPS tem coordenadas, um satélite, que é a Palavra de Deus, a Eucaristia e a devoção mariana, elementos centrais da Mensagem de Medjugorje.
 
R&L: o senhor já esteve em Medjugorje?
 
Cardeal Maradiaga: 'eu não poderia ... ainda. Mas isso não significa que não haverá um dia.
 
R&L - o senhor já falou com Bento XVI sobre Medjugorje?
 
Cardeal Maradiaga: uma vez conversamos sobre Medjugorje, Sua Santidade disse: "Pelos seus frutos os conhecereis", e os frutos que eu estou vendo são frutos muito positivos, foi o que ele disse.

Fonte: http://ministryvalues.com